Home / Artes / Arte e Paisagem / Arte e Paisagem: Spinifex, a paisagem como narrativa

Arte e Paisagem: Spinifex, a paisagem como narrativa

spinifex, arte e paisagem, corey thomasCorey Thomas é uma artista australiano com formação em artes performáticas, cuja trajetória evoluiu desde a dança até a escultura, para construir através dela uma narrativa aproxima e tensiona as relações entre arte e paisagem. Com um currículo extenso, Corey foi convidado pela campanha publicitária do Tourism Victoria, Australia para a região de Gippsland. A chamada da campanha é How will you be inspired by Gippsland” (Como Gippsland vai te inspirar) e Thomas embrenhou-se pela Reserva da Biosfera no Parque Nacional de Croajingolong para procurar na natureza a inspiração de sua escultura.

Spinifex, o nome da obra, é homônimo de Spinifex cericeus, uma graminea típica das dunas australianas, cujo formato, em parte, se assemelha com a escultura de Thomas, e que abunda na região em que a instalação foi montada. A spinifex solta suas sementes através de um mecanismo que se vale do vento para aumentar seu poder de dispersão. O processo é parecido com as tumbleweeds, do gênero Salsola, um tipo de planta que os filmes de hollywood, especialmente quando querem representar um local desértico e desolado, costumam utilizar – mais recentemente, lembro-me do filme A viagem, com Tom Cruise e Susan Sarandon, entre outros.

tumbleweeds, arte e paisagem

As tumbleweed separam-se das raízes para dispersar suas sementes.

Corey Thomas não quis representar desolação ao compor um diálogo entre arte e paisagem para construir sua narrativa. Ao contrário, ao unir a imagem das tumbleweeds com aquela do spinifex, produz uma instalação cujo efeito reforça a idéia de passagem do tempo que as dunas parecem evocar. A estrutura em si, composta por galhos, ferro, resina e cabos, aparenta resistência e, abandonada na areia, parece flexível como um bailarino, mesmo quando, sabemos, está fadada a virar destroços.

arte e paisagem

Essa gramínea inspirou o trabalho de Corey Thomas.

A imagens de Spinifex podem ser  apreciadas na galeria abaixo, e também nos vídeos produzidos pela agência de turismo.

 

About Frederico Teixeira Gorski

Frederico Teixeira Gorski é bacharel em Psicologia pela Universidade Federal de Santa Catarina. Estudou Teatro na Universidade Estadual de Santa Catarina e iniciou seus estudos em paisagismo com a professora Jane Pilotto, no curso Paisagismo Ecológico. Desde a Psicologia, interessou-se pelo estudo do Espaço Urbano. Em 2011, criou a primeira versão do Jardim de Calatéia como blog, com a intenção de transformá-lo em um portal que reunisse artigos que abrangessem desde a Arquitetura Paisagística, até o estudo botânico, passando pelas artes visuais.