Home / Jardinagem / Hortas verticais: o uso das garrafas pets

Hortas verticais: o uso das garrafas pets

Garrafas pets para a construção de um jardim vertical.

O uso de garrafas pet para compor hortas urbanas tem sido cada vez mais disseminado, como forma de reaproveitamento desse material, também passível de ser reciclado. Anteriormente, nos referimos a um projeto internacional que desenvolve o processo por hidroponia, utilizando-se dessas garrafas.

A vantagem do uso desse material para se fazer vasos ou jardins verticais se resume, praticamente, possibilidade de destiná-lo a outro fim após o consumo. No entanto, devemos nos questionar quanto a possibilidade desse modismo crescente travestir o consumo exacerbado de produtos que utilizem as PETs em detrimentos de outras formas de armazenamento, mais ecológicas e, inclusive, saudáveis.

via Facebook de  Mundo Verde.

 

 

Garrafas PETs formando uma horta verical sobre cerca de arame.

 

 

About Frederico Teixeira Gorski

Frederico Teixeira Gorski é bacharel em Psicologia pela Universidade Federal de Santa Catarina. Estudou Teatro na Universidade Estadual de Santa Catarina e iniciou seus estudos em paisagismo com a professora Jane Pilotto, no curso Paisagismo Ecológico. Desde a Psicologia, interessou-se pelo estudo do Espaço Urbano. Em 2011, criou a primeira versão do Jardim de Calatéia como blog, com a intenção de transformá-lo em um portal que reunisse artigos que abrangessem desde a Arquitetura Paisagística, até o estudo botânico, passando pelas artes visuais.